quinta-feira, 31 de março de 2011

Teatro Municipal ficou lotado durante o fim de semana da segunda edição do evento

O segundo dia de festival, sábado, 26, foi aberto por Fabiano Marques, que se apresentou com Felipe Marques, Josué Lopes, Rafael Castilhol e Robinho Rodrigues. No repertório, destaque para ‘Sambrazuca’, ‘Samba meu’ e ‘Raiz do Brasil’, todas de autoria do guitarrista. Em seguida, foi a vez do pianista Tomás Improta, que tocou ao lado de Ana de Oliveira, Roberto Rutigliano e Tony Botelho. As adaptações de ‘Pianinho’, de Edu Lobo, e ‘Poema Singelo’, de Villa-Lobos, foram algumas das canções do show ‘Jazz in Câmara’.



No domingo, 27, encerrando o evento, o renomado Leo Castro abusou de sua guitarra, ao lado de Fausto Baptista, na bateria, e Claussi Ramos, no baixo. No repertório, muito jazz, bossa nova e até mesmo um pouquinho de blues, com destaque para músicas como ‘Insensatez’ e ‘Meditação’, de Tom Jobim, e ‘All Blues’, de Miles Davis. Finalmente, fechando a noite, foi a vez da cantora e compositora Fatima Guedes, que arrasou com seu show Noções de Bossa Nova, acompanhada por Alexandre Guichard. Num formato diferente, quase uma agradável aula de bossa nova, Fatima agradou em cheio e, entre uma ‘lição’ e outra, lembrou os maiores clássicos do estilo, como ‘O barquinho’, ‘Corcovado’, ‘Samba do avião’, ‘Wave’ e ‘Ela é carioca’, sem esquecer também músicas de autoria própria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário