quarta-feira, 20 de abril de 2011

ORQUESTRA JOVEM VILLA LOBOS ENCERRA O FESTIVAL!






E no domingo, 17, encerrando o evento, foi a vez da Orquestra Sinfônica Jovem da Escola de Música Villa-Lobos. Com mais de 50 componentes e regida pelo maestro Zdenek Svab, a orquestra arrancou muitos aplausos do público ao apresentar repertório que foi de Schubert a Tom Jobim, com final apoteótico ao som de Orfeu no Inferno, de Jacques Offenbach. “Fico muito satisfeito em ver o festival bem sucedido pelo terceiro ano seguido. Este grande interesse do teresopolitano pela música clássica é o principal ingrediente para o êxito e para a ampliação do evento. Este ano, além de músicos do Rio, tivemos grupos vindos de São Paulo e de Goiás. E nossa expectativa é que, em 2012, o festival seja ainda melhor”, comemorou o maestro Zdenek Svab.

ORQUESTRA JOVEM DE GOIÂNIA NO FESTIVAL DE MÚSICA CLÁSSICA







Finalmente, neste fim de semana, foi a vez das grandes orquestras, que lotaram a Praça Olímpica Luis de Camões. No sábado, 16, a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiânia cativou a plateia durante a tarde. Com seus 85 componentes, regidos pelo maestro Eliseu Ferreira, a orquestra agradou em cheio com repertório leve, incluindo peças de Carlos Gomes e Bernstein. Destaque para marcha do filme Superman, de John Williams. “Ficamos bastante emocionados com a boa receptividade do público. Foi excelente. Este festival é uma ação de fundamental importância e que deve continuar. As pessoas precisam de uma alternativa ao que ouvem todo dia nas rádios, na TV. A Prefeitura está de parabéns pela iniciativa. Com certeza, bons frutos culturais sairão daqui”, elogiou o maestro Eliseu Ferreira.

MOZART & BETHOVEN NO FESTIVAL COM ENSEMBLE BESSLER






Na sexta, 15, foi a vez do último concerto de câmara, com o Ensemble Bessler. Composto pelos músicos Bernardo Bessler (1º. violino), Priscila Plata Rato (2º violino), Christine Springel (viola) e Marcus Ribeiro (violoncelo), o quarteto encantou a plateia com peças de Mozart e Beethoven. Ao fim de cada apresentação, momentos de interação entre artistas e público, com rodada de perguntas e respostas.

PROFESSORES DA CASA DE CULTURA NO FESTIVAL







E nesta quinta, 14, foi a vez da participação dos artistas da Casa de Cultura Adolpho Bloch, músicos e professores dos cursos oferecidos pela Secretaria de Cultura. Vale lembrar que todos os concertos são apresentados pelo arregimentador do festival, maestro Zdenek Svab, titular da Orquestra Sinfônica da Escola de Música Villa-Lobos e da Camerata Theresa Christina.

QUINTETO VILLA LOBOS SE DESTACA NO FESTIVAL!






Na quarta, 13, os concertos voltaram a acontecer no Teatro Municipal, com a apresentação do Quinteto Villa-Lobos. Antonio Carrasqueira (flauta), Luis Carlos Justi (oboé), Paulo Sérgio Santos (clarineta), Aloysio Fagerlande (fagote) e Philip Doyle (trompa) apresentaram repertório que foi do erudito ao popular, com destaque para peças de Ferenc Farkas, Mario Tavares e Ernesto Nazareth. Já no bis, apostaram em Villa-Lobos e agradaram em cheio, sendo cercados de perguntas ao fim do espetáculo. “É um prazer estar em Teresópolis compartilhando com o público o que temos pra oferecer. Estamos com a cidade no coração, vibramos juntos, choramos juntos... Por isso, é tão importante para nós estarmos aqui neste momento”, comentou o músico Antonio Carrasqueira.

LIBERTANGO EMOCIONOU NO FESTIVAL DE MÚSICA CLÁSSICA






Na terça, 12, novamente a Pro Arte foi o cenário para a apresentação do concerto LiberTango, que emocionou a plateia. Alexandre Caldi (sax), Estela Caldi (piano), Marcelo Caldi (acordeon), Marcelo Rodolfo (voz) e Rodrigo Villa (contra baixo) mostraram clássicos do tango, como ‘Adiós Nonino’, de Astor Piazzolla, e ‘Mi Buenos Aires Querido’, de Carlos Gardel e Alfredo Le Pera, e foram aplaudidos de pé. Ao fim da apresentação, momento de interação entre artistas e público, com rodada de perguntas e respostas.

GRUPO AULUSTRIO SE APRESENTOU NA PRO ARTE






Na segunda-feira, 11, foi a vez do Aulustrio, que se apresentou às 16h, no Centro Cultural FESO Pro Arte, local onde se encontra o melhor piano da cidade, proporcionando ao trio equipamento adequado para o seu repertório de música erudita. O grupo da cidade de São Paulo tem os irmãos Fábio Brucoli, violinista, Mauro Brucoli, violoncelista, e Paulo Brucoli, pianista.

KABARET BERLIN NO FESTIVAL DE MÚSICA CLÁSSICA






A dupla KABARET BERLIN, formada por Sérvio Túlio (voz) e Glauco Baptista (piano), trouxe canções de compositores que se destacaram nas noites da Berlim, tanto nos cabarés como também no teatro e no cinema, período entre e durante as duas grandes guerras mundiais, das décadas de 20 a 40 do século XX. Todas as canções são interpretadas no idioma original (alemão), com projeção de imagens de época e legendas traduzidas simultaneamente em português.

terça-feira, 19 de abril de 2011

FESTIVAL DE MÚSICA CLASSICA SUCESSO EM TERESÓPOLIS






O primeiro dia do 3o. Festival de Música Classica de Teresópolis marcou a estréia da Camerata Theresa Cristina no Festival com um repertório muito atraente e envolvente fez a alegria dos presentes a Casa de Cultura Adolpho Bloch

segunda-feira, 11 de abril de 2011

UNIVERTI - FESTA DE ARROMBA NA CASA DE CULTURA






A Universidade da Terceira Idade - UNIVERTI Apresentou na Casa de Cultura de Teresópolis a Velha Jovem Guarda com um espetáculo de teatro, canto e dança chamado UMA FESTA DE ARROMBA - Evento realizado em 08 de abril de 2011. Parabéns por mais um sucesso da UNIVERTI com parceria com a Secretaria Municipal de Cultura.